Executiva está sentada em banco traseiro de veículo. Ela fala ao celular enquanto confere o notebook com expressão facial séria.

Motorista particular ou táxi: qual a melhor opção?

Talvez você tenha visto o título deste post e achado que temos uma conclusão pronta para a pergunta. Mas verdade é que a resposta depende de vários fatores.

Todas as categorias têm vantagens; o que muda é a situação ideal para escolher uma ou outra.

Então, vamos ajudar você a descobrir quando você e seus colaboradores devem optar por um motorista parceiro e quando chamar um táxi. Ficou curioso para descobrir? Continue acompanhando e boa leitura!

Quando é melhor chamar um motorista particular parceiro ou um táxi?

1. Para ir mais rápido

Se a sua prioridade é chegar ao destino rapidamente, a opção certa é o táxi. Especialmente para quem está em um grande centro urbano, como São Paulo, o tempo de trajeto é um aspecto crítico na escolha do transporte. Quem dirige precisa pesar o conforto do veículo próprio contra o transtorno dos engarrafamentos.

Além disso, como você deixa a tarefa de dirigir para outra pessoa, ainda pode aproveitar o tempo dentro do carro para enviar e-mails, ler, fazer ligações ou assistir a um vídeo.

2. Para embarcar imediatamente

Se você está precisando embarcar imediatamente, é possível que o motorista particular chegue mais rápido. É claro que você consegue chamar um táxi com urgência. No entanto, existe uma tendência para que a disponibilidade de motoristas particulares aumente muito — eventualmente, superando o número de taxistas. Assim, a chance de encontrar um deles a poucos metros de onde você está, a qualquer hora do dia, é muito grande!

3. Para economizar

Se o que você quer é um preço acessível, o motorista particular é a melhor opção. Como eles seguem normas diferentes dos taxistas, o custo de operação para exercer essa atividade é muito inferior. Do ponto de vista financeiro, o passageiro também sai ganhando, com um valor menor na tarifa.

Quando usar o 99 Empresas, chamar um motorista particular parceiro da categoria 99Pop pode significar ainda mais economia! E tudo isso com o conforto e segurança da 99!

Isso porque existem alguns critérios mínimos para os motoristas particulares da 99. Na 99POP, os carros precisam ter 4 portas e ar-condicionado, ser modelo 2012 ou posterior e estar em bom estado de conservação. Tudo isso garante o seu conforto durante a viagem.

4. Para apoiar a economia colaborativa

Se você é o tipo de pessoa que gosta de apoiar iniciativas de economia colaborativa, que promovem o empoderamento dos indivíduos para oferecer e adquirir serviços de maneira mais autônoma e dinâmica, vai preferir o serviço do motorista particular.

Essa preocupação social é uma característica muito forte das jovens gerações, formadas por consumidores conscientes. E tal preocupação impulsiona o surgimento de novos movimentos, como é o caso dos motoristas particulares.

Com esse modelo inovador de negócios, pessoas comuns podem obter uma nova fonte de renda. É uma atividade flexível, facilmente conciliada com um emprego formal ou com os estudos. Para muitas famílias, representa uma oportunidade de melhorar sua qualidade de vida de maneira imediata, especialmente diante da crise que o país está enfrentando na economia e no mercado de trabalho.

5. Para aproveitar a tecnologia

Se você gosta de aproveitar a tecnologia em todos os aspectos da sua vida, para realizar atividades de maneira digital com rapidez e praticidade, qualquer um dos serviços vai combinar perfeitamente com seu perfil.

Ficou confuso? É que hoje você já pode agendar ou cancelar corridas, efetuar pagamentos e até avaliar a qualidade do serviço pelo smartphone — tanto no caso do táxi quanto do motorista particular. É isso que a 99 Empresas oferece aos seus usuários.

6. Para viajar com segurança

Esse é o último item da nossa lista e, provavelmente, o quesito mais importante ao escolher uma forma de transporte. E, mais uma vez, não há vencedor.

Tanto os taxistas quanto os motoristas particulares parceiros devem atender a uma série de exigências para começar a circular nas ruas e transportar passageiros. Vale checar com o órgão responsável quais são as exigências de cada categoria. 

Com certeza você tem amigos e familiares que também precisam escolher entre um motorista particular e um taxista em várias situações do cotidiano. Que tal ajudá-los um pouco? É fácil: basta compartilhar este post nas suas redes sociais!

Curtiu?!  Confira outras dicas como essa na nossa área sobre ‘Startups’. Clique aqui e confira.

 

Veja Também

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.