painel com post its amarelos pendurados

Matriz SWOT: analise as ameaças e oportunidades do seu negócio com essa estratégia

Imagine que exista uma bola de cristal capaz de dizer qual o futuro da sua empresa, como estará a demanda, a precificação dos concorrentes diretos e quais serão as principais oportunidades e riscos.

Gostou da ideia? Seria incrível, de fato, mas antes que você coloque à prova a nossa capacidade de prever o futuro, já adiantamos que isso não existe. Existem, porém, ferramentas de planejamento e análises tão boas que lhe trarão todas essas informações e projeções do futuro (ou quase isso). Uma delas é a matriz SWOT e é sobre ela que vamos falar neste artigo.

Se animou? Então, atenção às dicas a seguir que parecem mágica, mas são estratégias e planejamento!

O que é Matriz SWOT?

A matriz SWOT ou análise SWOT é uma sigla que significa Strengths, Weaknesses, Opportunities and Threats, que em tradução literal seria: Forças, Fraquezas, Oportunidades e Ameaças.

Criada pelo consultor de negócios americano Albert S. Humphrey, ela consiste em justamente apontar características fortes e fracas de um negócio, além de trazer uma visão do ambiente em que ele está ou estará inserido. É indispensável para quem planeja abrir um novo empreendimento ou ampliar o segmento de algum produto ou serviço na empresa já existente.

Por que usar a Análise SWOT?

No Brasil é comum chamarmos a Matriz SWOT de Análise FOFA, que corresponde à tradução da sigla em inglês. Usá-la, além de ajudar a aprimorar os pontos fortes e os que podem estar falhando, também auxiliará a prever e a se preparar para as possíveis ameaças do mercado.

Mão na massa: como montar na prática

Comece analisando os cenários em que você pode controlar e intervir, que são os pontos fracos e fortes internos da sua empresa. Para a estratégia ser bem estruturada é preciso tempo. Faça com calma e levante os tópicos que interferem no desempenho e nas vendas do seu time.

Confira alguns exemplos que podem servir de base para sua Matriz SWOT:

Fatores internos controláveis:

Pontos Fracos:

  • A capacitação da equipe é suficiente?
  • Os canais de comunicação estão atualizados?
  • Onde os colaboradores estão falhando?
  • O atendimento ao cliente é atencioso?
  • Produtos/serviços apresentam falhas?
  • Como/ Por que perdemos clientes?
  • Existem ações de marketing?

Pontos fortes:

  • Quais os principais diferenciais da empresa?
  • Quais fatores fidelizam os clientes?
  • Quais as principais habilidades da equipe?
  • O que você faz de melhor na empresa/pela empresa?

Fatores externos que fogem ao controle:

Oportunidades do mercado:

  • Chance de impactar um público maior com novos produtos;
  • Tendências gerais do mercado;
  • Oportunidades de expansão de produto/segmento;

Ameaças:

  • Precificação/redução de preços do concorrente;
  • Queda nas vendas do segmento;
  • Mudança no padrão de consumo/produto do cliente;
  • Investimento em tecnologia dos concorrentes;
  • Crises públicas que podem afetar a imagem do negócio;

Gostou do conteúdo? Você já fez uma Análise SWOT alguma vez em sua empresa? Compartilhe a experiência com a gente nos comentários!

Quer uma solução inteligente e econômica para o transporte corporativo do seu negócio? Então, clique aqui e conheça como a 99 Empresas pode te ajudar!

Veja Também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.