equipes trabalhando com autonomia

Autonomia no trabalho pode motivar e aumentar produtividade na empresa

A autonomia no trabalho é uma tendência cada vez mais presente em diversas empresas que têm o pé no futuro. E se você, gestor ou líder na sua empresa, tem receio de que esse modelo possa fazer você perder o controle das tarefas e processos diários, fique tranquilo. Quando implementado da forma correta, essa proposta pode ser positiva para todos!

A ideia é que seus colaboradores tenham mais autonomia sobre a tomada de decisões de seu próprio time e área de trabalho. Pense em quantas interrupções, e-mails e perguntas repetidas você recebe diariamente, pedindo sua validação para questões corriqueiras. 

Em geral, seus colaboradores já sabem o que precisa ser feito, mas por causa da centralização excessiva, eles precisam confirmar tudo e não sentem segurança para assumirem maiores responsabilidades.

Mudando esse cenário, o seu time será mais livre e acabará com a cultura de centralização do trabalho a todo instante, ainda adotada por algumas empresas que seguem linhas de gestão mais hierarquizadas e tradicionais.

A pesquisa Future of Work (Futuro do Trabalho), realizada com mais 2 mil colaboradores de empresas do Brasil e outros 13 países, apontou que 77% dos entrevistados ouvidos desejam mais flexibilidade e liberdade para trabalhar como quiserem e de onde preferirem.

Se sua empresa ainda adota um modelo tradicional, mas a transição para uma mudança de comportamento já é algo no seu radar, este artigo foi feito para você! Confira a seguir os benefícios da autonomia no trabalho e dicas de como implementar esse modelo na sua organização da melhor maneira. Vamos nessa?

Descubra abaixo como ter equipes com mais autonomia no trabalho:

Como promover autonomia no trabalho?

Autonomia no trabalho pode ajudar a motivar a sua equipe

Ao levar mais liberdade para o time, também são entregues mais responsabilidades sobre as tarefas que estão sendo executadas. Dessa forma, cada colaborador passa a se sentir parte do todo na empresa e consegue abraçar sua posição de trabalho com muito mais motivação. Esse movimento promove ainda uma melhora no cuidado ao cumprir prazos e prezar pela eficiência em cada tarefa.

Entre os jovens, essa é uma tendência que pode trazer resultados na motivação. Assim apontou a pesquisa realizada pela Page Talent, que revelou que 54% dos ouvidos entre 18 a 24 anos afirmam ser motivados ao receberem novas funções, responsabilidades e reconhecimento no trabalho. Esse fator foi maior até mesmo em relação ao aumento de salário, termo citado apenas por 17% das mais de 500 pessoas ouvidas dentro dessa faixa etária.

Diluindo o senso de liderança

Para a autonomia no trabalho dar certo, o seu time precisa desenvolver um forte espírito de liderança, enquanto que os gestores e chefes mais tradicionais precisam aprender a delegar e descentralizar o trabalho nas áreas em que isso seja possível.

Ter responsabilidades divididas entre todos é comum em empresas com gestão horizontal, em que há menos hierarquização e a figura do chefe é algo um tanto distante, uma vez que as responsabilidades e senso de liderança são diluídos entre todos no time.

Dessa forma, cada colaborador deve ser reconhecido pelos acertos e erros e ter liberdade para executar o seu trabalho de maneira inovadora. Mas, acima de tudo, os colaboradores precisam entender que fazem parte de um time e, quando todos erram ou acertam, fazem isso juntos!

Primeiros passos para autonomia no trabalho na prática

Para levar mais autonomia ao trabalho é ideal ter alguns pontos bem definidos e aplicados na empresa. Entre eles estão:

Quer saber como a 99 Empresas pode colaborar para a autonomia no trabalho com o transporte corporativo? Clique aqui e descubra uma nova forma de gerenciar e solicitar as corridas para os seus colaboradores de uma forma prática e simples.

Veja Também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.