Pessoa segurando cartaz escrito "inovação" e com desenhos de gráficos no cartaz

Pitch eficiente: passos simples para criar uma boa apresentação e convencer investidores

Chegou a hora de apresentar o seu empreendimento e mostrar que vale a pena investir nele. Fazer isso para outros empreendedores, investidores ou aceleradoras é conhecido como pitch, que basicamente é uma apresentação resumida das suas ideias e planos de negócios.

Apesar do tempo ser rápido, geralmente em torno de cinco minutos, não se engane, esses minutos podem valer o sucesso do seu negócio e a chance de conseguir ótimas parcerias ou generosos aportes financeiros. Quer saber os passos básicos para criar um pitch de sucesso para sua empresa? Então, confira as dicas a seguir.

Pitch em passos rápidos

Um capital semente é muito importante para startups, por isso é tão importante se preocupar em estruturar um pitch eficaz e claro e que pode de fato ganhar os corações e bolsos dos investidores por acreditarem na sua ideia. Mas como fazer isso na prática? Confira:

Todo pitch precisa ser claro

Toda apresentação de pitch precisa ser clara. Leve com exatidão os planos da empresa e as principais ideias. Cuidado para não deixar dúvidas aos possíveis investidores e/ou parceiros de negócios. Se ainda há algo não tão bem estruturado, é melhor não levar ou esperar mais tempo para sua apresentação.

Apresente a dor/problema do mercado

Nada existe sem demanda e atender as demandas de um jeito inteligente e inovador é resolver as dores do mercado e/ou do consumidor. O primeiro passo é apresentar essa dor e explicar de forma resumida como você enxergou essa oportunidade e o que falta nas empresas atuais do mercado do mesmo ramo que o seu.

Solução para a dor

Certifique-se de que a dor foi entendida. A partir deste momento foque em apresentar as soluções do problema. Sem rodeios, apresente o que precisa ser feito, a estrutura necessária e como essa solução irá ajudar o consumidor. Para ficar mais claro, confira o nosso exemplo resumido: O transporte corporativo sempre existiu em diferentes modelos, como carros próprios, alugados ou reembolso de táxis. A 99 Empresas, por sua vez, oferece uma opção prática e leva economia e controle aos gestores das empresas, que poupam recursos da manutenção de carros em comparação com as frotas próprias e ainda simplifica o trabalho dos setores financeiros com uma plataforma com informações sempre atualizadas do uso do benefício.

Seja sincero sobre a estrutura

Coloque na mesa tudo que precisa ser criado ou investido para que a solução seja alcançada. Preocupe-se em apresentar uma projeção do crescimento para que o investidor tenha uma mínima ideia do retorno possível e do tempo que isso irá levar. Cuidado para não criar projetos que exigem muito investimento financeiro, que tenham impedimentos de qualquer natureza e que ainda não estejam completamente finalizados, isso pode espantar o seu potencial investidor.

Você já participou de um pitch? Compartilhe sua experiência conosco e com os outros leitores nos comentários deste artigo. Queremos ouvir vocês! =)

Veja Também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.